Páginas

terça-feira, 2 de novembro de 2010

O menino que amava Elvis

Enquanto o menino brincava
A televisão ligada na sala
Ouviu sua irmã soluçar
Foi aí que ficou intrigado
“Quem era aquele sujeito
que fazia a menina chorar?”

Na tela viu várias imagens
e ouviu tantas músicas
Choro e homenagens
Tristeza e alegria
Pois o menino tornou-se fã
No momento em que o ídolo partia

Aprendeu a cantar
E a tocar como Elvis
Trocou os carrinhos pelo violão
Encantou seus amigos
E também sua irmã
Fez da música sua grande paixão

PS: Dedico esta poesia ao amigo Rudy, por todo carinho com que divulga a obra de Elvis em Jundiaí.

2 comentários:

  1. oiii adorei esse textinho... nuss eh tao bom ler... gracinha de blog continua assim.. bjimmm ^^

    klker coisa passa no meu blog...
    dannysbe.blogspot.com

    ^^

    ResponderExcluir
  2. - Muito fofa essa postagem . Estou retribuindo a visita no meu blog . A propósito , eu adoro Elvis " Bjos Carmen

    ResponderExcluir